janeiro 2012


Procuro pela Lua Crescente, pela eterna necessidade de vê-la.
Como um enamorado que encara a face da sua amada.
Vendo-a percebi algumas mudanças no ambiente.
As mudanças só são perceptíveis aos que se ausentam.
A Lua me perdoou pela minha ausência justamente porque sabia da foto escondida debaixo das roupas, que eu a admirava secretamente todos os dias, que eu a louvava por ser bela, mas a minha maneira.
Da mesma maneira que eu a perdoo por desaparecer nos dias de chuva.
Jamais conhecerei um sorriso como dessa Lua Crescente.
E que a Lua Cheia não me traga grandes mudanças…

 ~~

Infelizmente, não há o que entender. Boa noite!

LilaCarvalho

Anúncios

Olá,

Venho primeiramente te dizer que todas as coisas que esqueceu na minha casa, tomei a liberdade de empacotar tudo e deixar na portaria do seu prédio. Que tudo o que construímos juntos não precisa ser destruído só porque você decidiu por outro alguém. Que eu não estou magoada com você, na verdade eu estou muito feliz com você, pois soube que finalmente encontrou o que almejava a muito tempo, mas cansei de saber que você está feliz sem mim.

É irônico, logo eu que aos poucos me afastei de você, numa estúpida sensação de que eu era melhor do que você, foi quando eu me mostrei pior em todos os sentidos, e você não faz ideia de como é terrível pra mim assumir isso publicamente.

Não consigo ver você com ela ao seu, sendo que deveria ser eu. Se eu não tivesse sido tão idiota naquele tempo em que você mais precisava de mim, meu orgulho me fez cegar diante das besteiras que eu fazia e, principalmente, dizia. Eu odeio vê-la postar fotos suas, felizes, juntas, onde eu estive em outro momento, mas aprendi a aceitar isso, como um cego que inevitavelmente convive com sua cegueira, dia após dia.

Me doe, me doe profundamente te dizer este último adeus, mas eu me vejo forçada a dizer isso. Mesmo que você não leia, só pra eu ter certeza dentro do meu coração que o nosso tempo passou. Coisa que eu estou custando em aceitar, mas acredito que agora estou quase lá…

Principalmente, nas últimas fotos em que eu te vi tão feliz sem mim, não reconheci o olhar que me conquistou, você mudou muito desde que nos separamos, e acredito que isso me fez encarar isso melhor, já que quem eu amo não existe mais, apenas nas minhas doces lembranças. Infelizmente, foi mais uma pessoa que se perdeu na tormenta de sentimentos e coisas que a vida nos trás, mas acredite, a maioria dessas coisas não valem a pena.

Tenho minha consciência tranquila e um monte de lembranças, nenhuma delas me machucam, porém, carregam muitas saudades! Espero que suas saudades com relação a mim seja semelhante, que você guarde no olhar aquele tom de carinho, gratidão e saudade. Afinal tudo o que vivemos não será vivido por mais ninguém, serão lembranças que guardarei para sempre no minha memória e em algumas fotos que teimo em não tirar dos porta-retratos.

Fique com Deus, mesmo de longe, sempre torcerei por você.

Assinado:  Sua eterna Amiga, quase Irmã.

~~

Lila Carvalho