‎”O amor ideal somente é forjado entre duas pessoas sinceras, maduras e independentes. A chave está esforço interior de polir estes atributos… O amor verdadeiro não é duas pessoas dependendo uma da outra;somente pode ser forjado entre duas pessoas seguras de sua individualidade.” Daisaku Ikeda

~~

As pessoas têm a crença de que o outro deverá viver para e pelo relacionamento. Com a ideia errônea de que temos posse dos seres, sendo que, na realidade, nunca teremos posse, sequer, de nós mesmos, o que dirá de outras pessoas?

A partir dessa mentalidade, surgem os ciumes descontrolados, as desconfianças e a falta de esforço para impressionar o outro todos dias, que é como se deve sustentar a relação.

As pessoas creem que prender uma pessoa é a melhor forma de mantê-la por perto, mas está totalmente errado. Eu comparo as pessoas aos felinos, pois os dois têm total liberdade de ir e vir, mas permanecem pelo simples desejo de permanecer.

Se você não dá ao seu gato conforto, alimento e carinho, ele poderá encontrar em outra casa nas suas andanças pelo mundo. Com o ser humano funciona do mesmo jeito. De nada adianta prender a pessoa o gato, pois quando ele se soltar das amarras, vai procurar um lugar melhor pra morar, uma companhia melhor pra acalentar.

Uma coisa tão óbvia e tão simples que a gente raramente para pra observar…

Esta citação me fez ter a certeza de que jamais devemos procurar o amor, ao contrário, que devemos nos preparar para quando um alguém nos apresentar o amor. Saber receber e viver o amor é a melhor maneira de conviver com as pessoas.

Lila Carvalho

Anúncios