Porque você tem que lembrar? Principalmente pela distância que existe entre nós.

Quando eu penso em você eu sinto um misto de saudade e decepção, de amizade e querer mais, de você e de mim.

Outro dia reli aquela carta que te mandei. Sim, eu tenho uma cópia dela. Eu tive a sensação de que era melhor que você quando a li, talvez eu tenha razão.

Olhando um pouco a história, percebi uma linha, onde eu podia realmente ter feito alguma coisa, onde eu simplesmente podia ter perguntado: “E se eu estivesse só?”, a sua resposta poderia ter mudado tudo.

Minha atitude poderia ter mudado tudo.

Ao invés disso, preferi jogar com o impossível, e admirar a beleza das possibilidades de longe, ao invés de ter vivido elas.

Me arrependo de não ter feito a pergunta certa, e ao mesmo tempo me arrependo de não ter mudado nada. Quem sabe o seu medo do futuro simplesmente não teria feito tudo desabar?

Quem sabe a distância não teria estragado tudo?

Quem sabe de alguma coisa?

Sinto que seus pensamentos não se acabaram, e que a saudade persiste em bater à nossa porta, mas a nossa unica opção é aceitar as coisas que a vida nos destinou. E vivê-la de maneira plena.

Eu sei que você está feliz. Eu sei que estou feliz. Mas a saudade do que não aconteceu mata, né? O desejo de ter tido uma atitude diferente dói de mais!

Mas não temos outra escolha! Não temos escolha!

A não ser, olhar o passado com saudade, e o outro que deveria ser nós com inveja, mas uma inveja saudável, daquelas que diz:

” Não erre como eu errei. E faça essa pessoa, a quem tenho tanto apreço, feliz! Só me faça esse favor…”

Ter certeza que isso acontecerá, mesmo sem eu dizê-lo, me deixa muito feliz!

~~

Anúncios