Como eh belo a dor do amor que não existiu

A noite de amor não vivida

O afago perdido no tempo

E tudo o mais que eu posso sonhar com você

Como eh belo acordar e assistir um sonho bom

Como eh infinito meu desejo de realizar tudo isso!

Como eh sem fim a vontade de me afogar em seu peito

De respirar sua pele

De saborear seu suor

Sua lacívia

Aí está a beleza desse amor inexistente, mas persistente

Persistente em mim

Persistente em você

Inexistente em nós

Neste momento o melhor poema

A melhor canção está no suspiro e na voz que diz ao meu ouvido

Tudo o que eu já desejei ouvir

Infelizmente, não é você sussurrando essas palavras fáceis

Não é você suando ao meu lado

Não é você

É uma ilusão

Anúncios