abril 2009


Eu quase posso tocar o silêncio

Eu quase posso tocar o silêncio

” Hoje é o dia
E eu quase posso tocar o silêncio
A casa vazia.
Só as coisas que você não quis
Me fazem companhia
Eu fico à vontade com a sua ausência
Eu já me acostumei a esquecer

Tudo que vai
Deixa o gosto, deixa as fotos
Quanto tempo faz
Deixa os dedos, deixa a memória
Eu nem me lembro mais”

Pois eh… Hoje é, de fato, o dia…

Aiai… É tudo tão estranho com tua ausência! Até a missa aos domingos ficam sem graça, sem som, sem conversa, sem animção, enfim, sem companhia. Apesar de Furukawa, Marcelo e afins tudo me parece estranho e vazio…

Nossa! Que coisa deprimente!

E agora para complicar tudo ainda mais, me veio o sub-comando na igreja…de novo! Ê paciência! Dessa vez espero só não ter dor de cabeça como da outra, pena que o único indicado é o único que não pode ficar na equipe junto comigo. Agora esse final será uma incógnita. A igreja me faz bem, apesar de me fazer mal… Entendam o que quiser do que eu falei!

O fato é que eu estou sozinha de novo e mais uma vez super ocupada! Aiaiai… Relaxeee… Daqui pra frente só piora!

Ou não… =/

Me fui! Jajá meu chefe volta!

Anúncios

“Hoje é o dia, eu quase posso tocar o silêncio.”

Não. Definitivamente, não! Hoje não é um dia triste, apesar de que domingo será, hoje não é. Eu apenas me lembrei dessa música quando resolvi escrever esse novo post, e eu não ignoro nada que impregna minha mente!

Ontem foi um dia bom, apesar de eu ter quase certeza de que o fim não fora tão feliz. Acho que eu realmente preciso repensar meus atos. Urgentemente!

Quem não é egoísta nessa vida? Acho que ninguém jamais poderá me jogar uma pedra. Que venha o corajoso, pois tenho certeza de que ele também teve seu momento egocêntrico!

Tudo o que eu queria era um conto de fadas.

Bye…

http://www.flickr.com/groups/plekopaap/pool/show/

Pois é… Prova ontem, amanha e depois de amanhã. Sem citar um trabalho de Trabalho que está pirando a minha cabeça, mas eu supero!

Namorado Companheiro Amigo Pessoa com quem me relaciono amigavelmente, sexualmente e emocionalmente ultimamente tem me enlouquecido a cabeça também! Meu Deus! Como pode a pessoa ser tão infantil e idiota a esse ponto! E como pode eu continuar a insistir um  relacionamente com alguém tão difícil de lhe dar… Questões que eu desisti de responder… Pelo menos ele tem um beijo e um “movimento” agradável. Acho que é uma das coisas que a gente  faz melhor juntos! Algo tinha que ter ne?!

Mãe! Para quê afinal de contas serve uma mãe na fase adulta? Acho que é só para perturbar o juízo da pessoa e tentar ainda cuidar daquele filho que já não precisa dos cuidados dela! Elas criam os filhos para o mundo, odeiam a nossa necessidade por delas e quando estamos prontos para partir elas reclamam, nos enchem de mimos e pedem desesparadamente que voltemos! Vai entender!

A vida é muito enrolada e complicada de se completar. Pensamentos estranhos que eu não precisaria ter e que insisto em pensar…

Conclusões do dia:

1º Desisti de entender os relacionamentos afetivos! Todo mundo é complicado, não só as mulheres! Eu, você, ele, ela e aquele ser que não conseguimos definir o sexo. Somos um bando de malucos que não sabem o que quer, na melhor das hipóteses sabemos apenas o que não queremos!

2º Desisti de entender as mães. Sempre estão reclamando de tudo e nada, nunca está, estará ou algum dia ficará perfeito! Qualquer coisa que você faça sempre terá algum problema. Contente-se você também senhor  Presidente/Juiz/Médico/Diplomata/Professor/Empresário/Qualquer função ativa e útil, sua mãe encontrará um defeito na sua profissão, espere um pouco que ela acha!

3º Desisti de me entender… (repetição do que conclui no primeiro tópico, mas decidi enfatizar) Aiiiii que cabeça doida a minha! Se decide porra! @$#¨*(#

Eu sou uma pessoa calma! Bom dia!

Eu vou beber pra esquecer meus problemas (bebe negao)
Eu vou beber pra esquecer minhas dívidas (bebe negao)
Eu vou beber para escecer minhas angústias (oiii) (bebe negao)
Eu vou beber que hoje eu quero alegria (meu Deus, Ô
meu Deus) (bebe negao) ( Ô meu Pai !) (bebe negao)”

Ai meu Deus, a pessoa louca para sair e o povo tudo morgado e enrolado para fazer quaquer coisa, e pior… Stresse por causa de bar lotaaaaaaado! Ninguém merece!

A unica coisa que eu queria era sentar na mesa de um bar e beber com meus amigos queridos. Mas o que acontece? Só stresse!! Afff

Tudo foi stresse hoje! Desde a saída de manhã cedo, até a volta até em casa! Porque eu ainda não aprendi a ser mal educada e ficar de fone de ouvido o tempo todo hein? Porque ai pelo menos eu me acalmo ne?!

A salvação no final do meu dia!

A salvação no final do meu dia!

Pois eh… Daí o que acontece? A pessoa desesperada por alguma alegria vai fazer o quê?

Pois eh… Ainda bem que eu tinha uma queridinha dessas na minha casa! Bastou um copo e o meu dia ficou bem melhor! Sem falar no efeito de mundo girando que ela dá! Amoooooooo!

O único cuidado que eu preciso em beber em casa sozinha é o de não virar alcoólatra de uma vez por todas! Afff Nãm! Deus me salve!

PS: Lembrar de sempre ter uma querdinha em casa para salvar dias stressantes como hoje. E mante-las sempre afastadas de namorados e terceiros que gostem de beber!

Povo, eu gosto muito de beber! Apenas entendam isso!

Questão do dia: O que eu faço com um coração que não quer esquecer algum sentimento?

(a) churrasco

(b) lixo

(c) N.D.A. ( nenhuma das alternativas) Então sugira algo!

Me fui!

PS 2: Fim de carreira beber sozinha em casa! hauhauahu

Aiaiai… Ontem foi 1º de abril e nenhuma mentira saiu de minha boca. A não ser brincadeiras idiotas com amigos do gênero…”vc é lindo!” ou “eu t amo”…coisas lesas que a gente faz para irritar (ou seria incitar?) um ao outro! Mas eu supero!

Tudo parece estar encaixado e feliz, mas até quando? Ontem, conversando durante o almoço com colegas de trabalho, me perguntaram o que eu sentia por ele, e para minha surpresa não soube responder ao certo. Será que eu de fato ainda sinto alguma coisa por ele, ou estou apenas acostumada com sua presença e companhia?

Será que se eu encontrar alguém de quem eu goste eu o abandonarei e pronto? …

Dúvidas e mais dúvidas! Espero que ele jamais leia esse blog!

Eu percebo que em sua ausência ele não me traz saudades, mas quando a gente se encontra, parece que voam fogos de artifício e tudo é simplesmente perfeito! A química é quase que inevitável! E tudo de repente vira um conto de fadas, mas será que terá afinal um final feliz?

Tudo o que consigo imaginar agora é a gente se encontrando na semana santa e tentando se reconciliar, e se reconciliando. E logo em seguida a distância e as brigas! Porque que tudo tem que ser assim?

Acho melhor acabar com esses pensamentos loucos e sombrios por aqui!

No final das contas a minha única conclusão é a de que se eu tiver uma filha eu jamais contaria a ela contos de fada. Isso é tudo mera ilusão!

The end!